FECHAR  
MENU

Ensino Fundamentalee e Mdio

Educacao Coletividade Respeito

O Lider em Mim

Proerd

Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência

Escola Futura

Av. Guarani 405 Jd. Guarani 13.100-211 - Campinas - SP

Escola Futura

Nossa Estrutura

Escola Futura

Dia dos Pais

Caminhada em Comemoração ao Dia dos Pais

Dia dos Pais

Rota Cultural

Língua Portuguesa e Literatura

Rota Cultural

A consquista do seu sonho comea aqui

Princípios Filosóficos:

Homem é visto enquanto um ser concreto e histórico, pois ele produz seus meios de vida. O que o homem é coincide, portanto, com a sua produção, tanto com o que produzem, como o modo como produzem. O que o homem é depende das condições materiais de sua produção. Por isso ele é histórico, pois ao desenvolver sua produção material e intercâmbio material, transformam também, com esta sua realidade, seu pensar e os produtos de seu pensar. O homem de hoje difere do homem de outrora, pois está imerso numa sociedade concretamente localizada num tempo e espaço determinados.

O mundo está em perpétuo movimento sujeito as múltiplas transformações realizadas pelo homem.

A educação é entendida e analisada sempre em uma realidade sócio-histórica específica sendo, portanto, provocadora de questionamentos e abrindo perspectivas para transformação, capaz de reproduzir e minar ao mesmo tempo as estruturas vigentes.

Princípios Sociológicos:

A História é aqui considerada enquanto conjunto das relações humanas ocorridas no movimento da estrutura social, num determinado tempo e espaço a partir das necessidades coletivas.

A cultura é compreendida enquanto síntese da relação homem-mundo e constituída pelo trabalho.

A escola é uma instituição social, com papéis determinados pela sociedade que mantém e reproduz as relações sociais de produção. Entretanto, é por meio dela que se pode ampliar a consciência para transformar essas mesmas relações sociais de produção.

Princípios Psicológicos:

A aprendizagem mediada pela linguagem, tem papel fundamental no desenvolvimento humano. O aprendizado é um aspecto necessário e universal do processo de desenvolvimento das funções psicológicas culturalmente organizadas e especificamente humanas (Vygotsky/1991)

As funções psicológicas têm um suporte biológico, pois são produto da atividade cerebral; fundamenta-se nas relações sociais entre indivíduo e o mundo exterior, desenvolvendo-se num processo histórico. A relação homem-mundo é uma relação mediada por sistemas simbólicos.

A linguagem, portanto, é vista enquanto forma de interação especificamente humana e como sistema de signos culturalmente organizado. É mediadora entre o sujeito e o conhecimento, constitutivo do pensamento e da ação e responsável pela transformação das funções psíquicas elementares em funções psíquicas superiores (formação de conceitos).

Princípios Pedagógicos:

Ancorada na teoria crítica, a educação formal é vista enquanto instância que cria possibilidade para a ampliação da consciência, por meio da formação de conceitos científicos, com vista à ação transformadora.